Mais qualidade com menos informação

  • Compartilhar

É comum, a cada fim de ano, as empresas e o mercado fazerem uma avaliação do período – seus sucessos, pontos a melhorar, exemplos a serem seguidos. Em relação à adoção do IFRS, o ano de 2012 trouxe algumas revelações importantes, como a de que o processo de transição gerou dúvidas e fez com que as empresas brasileiras divulgassem um grande volume de informações - o que é normal durante o processo de aprendizagem. Paul Sutcliffe, sócio de Auditoria, líder da prática de IFRS da EY, falou sobre isso na 18º edição do Assurance Journal. Ele citou o natural processo de aprendizado como vilão para a conquista desse objetivo.

Outro assunto que ganhou destaque nessa edição foi a rentabilidade de investimentos sustentáveis. Um estudo conduzido pela Universidade Federal do Rio de Janeiro avaliou risco e retorno de fundos de investimento durante 60 meses e revelou que a rentabilidade desses fundos é igual – se não maior – no longo prazo. Aproveite para ler também a reportagem “Transformando atletas em ativos”, que fala sobre o processo de avaliação de atletas. Como chegar ao cálculo milionário da carreira dos jogadores de futebol, por exemplo? Damos algumas pistas.

Acesse aqui (pdf, 9mb) e conheça a edição na íntegra.


Publicações

IFRS no Brasil
A tarefa de adequação ao padrão contábil pelas companhias brasileiras foi cumprida, mas sua interpretação ainda está longe de ser consenso entre os usuários das demonstrações. Acesse estudo produzido pela EY em parceria com a FIPECAFI e conheça os pontos em que a adoção do IFRS ainda gera questionamentos. Saiba mais. 


BR GAAP vs. IFRS

A EY publicou o guia BR GAAP vs. IFRS - Visão Geral, que traz as atuais diferenças entre os princípios contábeis geralmente aceitos (GAAP) das práticas BR GAAP e IFRS e apresenta um panorama das semelhanças e divergências entre eles. See also the English version.

Estudos

Grupo Modelo S.A. 2012
A EY lança a terceira edição do Grupo Modelo S.A. International GAAP. Esta publicação traz as últimas deliberações do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) e exemplos de demonstrações financeiras, notas explicativas e tabelas que permitem aos executivos de companhias do setor financeiro ter uma visão geral de como as demonstrações deverão ser divulgadas ao mercado.

 

IFRS em audiocast

A EY produziu uma série de audiocasts, em formato de rádio, que aborda 20 proununciamentos contábeis com maior impacto para as empresas. O conteúdo de cada norma é abordado em poucos minutos por executivos do time de IFRS da EY, de forma a tratar os desafios de pronunciamentos relativos a arrendamento mercantil e ativos intangíveis, entre outros. Acesse e conheça o conteúdo.

 

Pagamentos Baseados em Ações

O IFRS 2 é considerado uma das normas mais desafiadoras dos princípios internacionais de contabilidade. Por essa razão, constitui um tema sensível para executivos, empreendedores, empregados e diretores. Acesse a publicação IFRS 2 – Visão Geral e conheça as principais exigências e desafios trazidos pela norma.

 

 

 

 

IFRS para conselheiros

A publicação IFRS para presidentes, comitês de auditoria e conselhos de administração e fiscal responde a 13 questões sobre a adoção da norma internacional de contabilidade, traçando um paralelo com o atual ambiente contábil enfrentado pelas empresas brasileiras. Saiba mais.