Quanto melhor a pergunta. Melhor a resposta. Melhor trabalha o mundo.

Como é que uma mulher está a inspirar o crescimento sustentável dos negócios

Saiba como é que a experiência de Faith Moyo a levou a desenvolver o programa Business Accelerator para impulsionar o crescimento inclusivo no Zimbabué.

Funcionária de loja sul africana a utilizar tablet na caixa de pagamento
(Chapter breaker)
1

Quanto melhor a pergunta

Como é que a experiência de uma pessoa pode ajudar uma nova geração de empreendedores a ter sucesso?

Muitos dos empresários no Zimbabué não têm conhecimento ou ajuda para sustentarem os seus pequenos negócios.

No Zimbabué, o crescimento de uma pequena empresa é uma batalha difícil. A mentoria empresarial não é predominante no país, e muitos zimbabuenses abrem negócios sem os conhecimentos necessários para administrar um negócio bem-sucedido. Sem acesso a recursos ou habilidades de gestão para superarem os desafios mais básicos, muitas pequenas empresas falham nos primeiros meses. Aqueles que sobrevivem costumam ter problemas a acelerar o seu crescimento e tendem a estagnar, a menos que consigam garantir recursos ou moeda estrangeira de business angels ou bancos.

Faith Moyo experienciou-o em primeira mão quando abriu um café de sucesso com o pai. Ela acreditava que o seu negócio tinha potencial, mas, como a maioria dos zimbabuenses, Faith e o seu pai não possuíam a perspicácia de negócio ou as habilidades de gestão financeira para gerir o seu crescimento. Quando a loja fechou dois anos depois, Faith questionou-se sobre o que é que poderia ter acontecido se houvesse uma organização de serviços profissionais para ajudá-la e ao seu pai a crescer.

(Chapter breaker)
2

Melhor a resposta

Capacitar empreendedores

O EY Business Accelerator é um programa que desenvolve tanto mentalidades como competências.

Agora, a trabalhar no escritório da empresa-membro da EY no Zimbabué, ela está determinada a ajudar os empreendedores do seu país a ter o tipo de apoio profissional de que ela e o seu pai antes precisaram. Ela ajudou a lançar o programa EY Business Accelerator em 2017, onde atua como gestora de projetos. Este programa de um ano aproveita a ampla rede de conhecimentos e recursos da EY para transmitir aos empreendedores a mentalidade e as habilidades necessárias para expandirem os seus negócios de maneira sustentável.

Com a ajuda de alguns dos seus colegas da EY, Faith selecionou 25 empresas em crescimento para participarem em sessões gratuitas que as conectaram com estrategas, consultores, profissionais de marketing e modelos da comunidade local para compreender em que ponto estão as suas empresas, o que querem atingir, e que desafios os impedem de lá chegar. As sessões desafiam os empresários a pensar fora da caixa e a encontrarem soluções inovadoras para se destacarem no mercado, em vez de esperarem passivamente por financiamento.

(Chapter breaker)
3

Melhor trabalha o mundo

Empresas com impacto

O trabalho de Faith com os empreendedores ajuda tanto empresas como comunidades a florescer.

Embora o primeiro ano do programa ainda não tenha terminado, Faith já viu o impacto nos participantes. Duas empresas abriram filiais na Zâmbia, Moçambique e Malawi para criar proativamente o seu próprio pipeline de recursos estrangeiros.

Ao apoiar os empreendedores a melhorarem a sua resiliência, produtividade e capacidade, Faith também está a ajudar a causar um maior impacto nas comunidades em que estes empreendedores se encontram. Com a sessão de tecnologia inovadora do programa, um empresário de manufatura que produz snacks de milho conseguiu construir uma fábrica automática utilizando parte do conhecimento adquirido na sessão para aumentar a produção e melhorar a eficiência e os custos. Este empresário ajudou a criar 400 empregos diretos e indiretos para as pessoas da sua comunidade. Além disso, em vez de importar matérias-primas para a fabricação dos snacks, o empresário comprou os produtos localmente a agricultores comunitários locais. Através deste trabalho sustentável, o empresário também foi selecionado como finalista do EY World Entrepreneur of the Year na África do Sul.

Embora estes passos sejam encorajadores, Faith está apenas a começar a sua missão no Zimbabué. Ela facilita o relacionamento entre uma empresa membro da EY e um grande grupo de telecomunicações no Zimbabué para unir forças num programa de capacitação de jovens. Juntos, estes orientam e treinam 200 start-ups para ajudá-las a alcançar o tipo de sucesso que pode torná-las futuras participantes do programa Business Accelerator.

Faith e a sua equipa também passam o seu tempo livre a conversar com empresários sobre gestão financeira em palestras. Até ao momento, foram alcançadas mais de 800 pessoas.

Através do trabalho de Faith, a próxima geração de empreendedores do Zimbabué pode descobrir como conduzir o crescimento sustentável com a ajuda de outros. Eles têm uma pessoa apaixonada, dedicada e experiente, disposta a ajudá-los a cada passo do caminho.