Como pode a Agenda para a Integridade unir intenções, ações e métricas

7 minutos de leitura 23 jul 2018
7 minutos de leitura 23 jul 2018

A Agenda para a Integridade é uma estrutura com quatro elementos fundamentais, que alinham as ações individuais com os objetivos de uma organização.

As intenções de uma empresa podem estar expressas de forma clara, através da implementação de políticas e códigos de conduta, e da demonstração de compromisso dos responsáveis de topo, através de comunicações formais e informais. Ainda assim, os recentes escândalos em grandes organizações, envolvendo figuras de primeira linha, demonstraram que a conduta desadequada, de alguns executivos, persiste e passa despercebida, por longos períodos de tempo.

Quando a conduta desadequada se torna do conhecimento público, surgem investigações dispendiosas, a aplicação de coimas, e a acusação de pessoas, enquanto o valor de mercado desce. Para colmatar esta falha, entre intenções e realidade, as empresas devem concentrar esforços na melhoria da eficácia dos seus programas de compliance, através de uma avaliação adequada, numa perspetiva de integridade, da cultura organizacional, dos controlos e do modelo de gestão, bem como na utilização de novas tecnologias, para obtenção de melhor informação a partir da análise de dados.

A importância da integridade

A integridade é a pedra basilar do sucesso. Os resultados do nosso mais recente Estudo Global de Fraude, sugerem que os benefícios da integridade organizacional vão além da prevenção de coimas, contribuindo para melhorar o desempenho organizacional. Os inquiridos no estudo consideram que a perceção dos clientes, a perceção pública, o recrutamento e a retenção de talento, foram benefícios mais importantes, que evitar o escrutínio e as penalizações.

integrity agenda v2

Resumo

A Agenda para a Integridade ajuda as organizações a colmatarem a falha entre intenções e comportamentos efetivos. É uma estrutura para o sucesso, construída a partir de quatro elementos fundamentais, que alinham as ações de um indivíduo com os objetivos de uma organização. Esta estrutura permite que organizações de sucesso se mantenham fiéis à sua missão, cumpram promessas, respeitem leis e normas éticas, e fomentem a confiança do público nas empresas privadas.

Sobre este artigo

Tópicos relacionados Auditoria Forense Risco Cibersegurança