Comunicado de Imprensa

29 jun 2021 Lisbon, PT

Webinar | Future of Mobility Think Thank - Novos rumos para a mobilidade em Portugal

As principais conclusões do Future of Mobility Think Tank vão ser apresentadas e discutidas amanhã, dia 30 de junho, num evento remoto que decorrerá entre as 15h00 e as 17h00.

Contacto de imprensa
EY Portugal

Firma de serviços profissionais multidisciplinares

  • Evento final de discussão do Future of Mobility Think Tank, grupo de trabalho lançado pela EY-Parthenon em 2020, vai realizar-se amanhã, dia 30 de junho, entre as 15h00 e as 17h00.
  • Iniciativa para debater a mobilidade em Portugal decorreu no espaço de 12 meses e juntou Presidentes, CEO e executivos de topo de múltiplos setores como transporte público, gestão de infraestruturas, plataformas de mobilidade, telecomunicações, tecnologia, utilities, serviços financeiros, retalho, logística e distribuição, entre outros, públicos e privados, da academia, do lado da operação e da regulação.
  • O grupo de trabalho promovido pela EY-Parthenon discutiu temas como a mobilidade num contexto de incerteza provocado pela COVID-19, o impacto das mudanças de comportamento no ecossistema da mobilidade, os cenários para o futuro da mobilidade e os principais desafios para a expansão do ecossistema.

Lisboa, 29 de junho de 2021. Esta iniciativa que a EY-Parthenon lançou em 2020 foi desenhada com o objetivo de facilitar um espaço de partilha e debate entre os executivos dos diferentes ecossistemas que constituem o setor da mobilidade em Portugal. O grupo de trabalho incluiu Presidentes, CEO e executivos de topo de múltiplos setores como transporte público, gestão de infraestruturas, plataformas de mobilidade, telecomunicações, tecnologia, utilities, serviços financeiros, retalho, logística e distribuição, entre outros.

Para garantir visão transversal e global da mobilidade do País, a EY-Parthenon assegurou a diversidade setorial dos membros do think tank, envolvendo decisores de entidades públicas e privadas dos diferentes setores de atividade, tanto do lado da operação como da regulação, incluindo a participação da academia.

A pandemia da COVID-19 alterou profundamente as principais necessidades de mobilidade do nosso quotidiano, mas também nos deu uma oportunidade única de repensar a mobilidade como a conhecemos.
Miguel Cardoso Pinto
Partner, EY Parthenon, EY S.A.

Ainda assim, “apesar dos desafios que a pandemia trouxe ao nível da mobilidade de pessoas e de carga – como a gestão da quebra da confiança social ou a pressão ao longo da cadeia de abastecimentos –, veio também acelerar comportamentos e tendências que já se vinham a manifestar”, acrescenta o responsável.

A iniciativa realizou-se no período marcado pela crise pandémica e, num contexto de significativa incerteza e adaptação generalizada a novas dinâmicas de trabalho, discutiram-se temas como:

  • COVID-19: mobilidade num contexto de incerteza: é desafiante gerir negócios que têm como objetivo transportar pessoas quando as pessoas não se podem deslocar, e foi desafio que se abordou, através de um inquérito B2C a residentes em Portugal sobre as expetativas de mobilidade do nosso quotidiano;
  • Impacto das mudanças de comportamento no ecossistema da mobilidade: este vasto espaço da mobilidade já estava em significativa disrupção pré-pandemia, atraindo interesse de venture capital, revisitando-se o ponto de partida (e.g., expetativas de personalização, abertura à economia de partilha) e novos eixos em resultado da COVID-19 (e.g., quebra na confiança social, preferência atual por meios de ocupação única);
  • Cenários para o futuro da mobilidade: onde foram discutidas diferentes incertezas que podem influenciar os próximos passos, e aprofundadas aquelas relacionadas com o grau de interoperabilidade e o nível de concentração urbana, e respetivos cenários daí resultantes;
  • Principais desafios para a expansão do ecossistema: conclusão da discussão à volta da gestão do tráfego urbano, otimização das infraestruturas, e soluções colaborativas de mobilidade alternativa.
Os desafios futuros da mobilidade irão progressivamente exigir um maior grau de cooperação entre os seus vários ecossistemas, bem como entre o setor público e o setor privado. Com esta iniciativa, a EY fornece mais um exemplo de um projeto que contribui para um better working world, permitindo um espaço de discussão e também de partilha de ideias, experiências e conhecimento sobre este eixo de desenvolvimento nacional que é a mobilidade.
Miguel Cardoso Pinto
Partner, EY Parthenon, EY S.A.

Para assistir ao evento online clique neste link.

Programa do evento:

15h00 | Boas-vindas
Miguel Cardoso Pinto, EY-Parthenon Portugal Leader

15h15 | Future of Mobility Think Tank – Resumo da primeira edição
Pedro Carvalhas Coutinho, Principal EY-Parthenon, A&T Segment Leader  

15h30 | Mesa redonda #1
Tema: Afirmação do comércio eletrónico: Efeitos na última milha e outros impactos

  • Moderador: Bruno Padinha, Partner, EY Consulting Leader
  • Rui Nobre, COO, Grupo DPD Portugal
  • Manuel Pina, Head of Portugal, Uber
  • José Coutinho, CEO, EDP Inovação
  • Rosário Macário, Professora e Investigadora, Instituto Superior Técnico 

16h10 | Mesa redonda #2
Tema: “Desafios pós-COVID-19 da mobilidade urbana e interurbana de passageiros”

  • Moderador: Miguel Amado, Partner, EY Consulting
  • António Pires, CTO e Administrador, Carris
  • Vítor Domingues dos Santos, Presidente, Metropolitano de Lisboa
  • André Dias, CTO, GoWithFlow 

16h50 | Encerramento
Miguel Cardoso Pinto, EY-Parthenon Portugal Leader

 

Contactos: Telma Franco

Telma Franco

Sobre a EY

A EY é líder global em auditoria, assessoria fiscal, assessoria de transações e assessoria de gestão. Os insights e serviços de qualidade que prestamos ajudam a credibilizar e a construir confiança nos mercados de capitais e em economias de todo o mundo. Desenvolvemos líderes e equipas que trabalham para cumprir as expectativas dos nossos stakeholders. Assim, temos um papel importante na construção de um melhor mundo de negócios para os nossos colaboradores, os nossos clientes e as comunidades em que nos inserimos. EY refere-se à organização global de firmas relacionadas com a Ernst & Young Global Limited, cada uma das quais é uma entidade legal separada. A Ernst & Young Global Limited, baseada no Reino Unido, não presta serviços a clientes. Para mais informações sobre nossa organização, visite www.ey.com.