5 Minutos de leitura 19 nov 2019
breakwater sea Portugal

O que é essencial para escalar o blockchain?

5 Minutos de leitura 19 nov 2019

Mostrar recursos

Para que as blockchains operem eficientemente em escala, é essencial que sejam integradas em sistemas ERP.

Após vários anos de testes e algumas falhas iniciais, as soluções blockchain estão começando a trazer benefícios tangíveis para as empresas através de maior precisão, transparência e rapidez.

Enquanto o planejamento de recursos empresariais (ERP) permitiu uma compreensão compartilhada das operações de negócios e processos comuns para uma única empresa, a blockchain em breve fará o mesmo para todos os ecossistemas de negócios. Para qualquer processo multi-empresa com lógica empresarial complexa, a blockchain é uma boa solução.
O uso da Blockchain está crescendo em muitas áreas. No suprimento, ele pode eliminar os recursos consideráveis gastos na conciliação de preços com contratos de compra por volume negociados corporativamente. E, no gerenciamento da cadeia de suprimentos, imagine um futuro no qual as empresas movimentem ativos físicos e seus tokens de ativos digitais através de uma rede para que todas as entidades da cadeia de valor tenham visibilidade de ponta a ponta do inventário e sejam capazes de rastrear com precisão o produto desde o ponto de origem até seu uso final.

A Blockchain pode mudar significativamente muitos processos multiempresa em um futuro próximo.

Integrando blockchain em sistemas ERP

Não há dúvida de que a blockchain poderia mudar significativamente muitos processos de múltiplas empresas em um futuro próximo. No entanto, para isso, as soluções de blockchain devem beneficiar uma ampla rede de organizações, devem ser industrializadas e escaláveis. Para que a blockchain opere eficientemente em escala, é essencial que ela possa ser integrada aos sistemas ERP das empresas para criar processos rápidos, confiáveis e repetíveis.

Essa integração nem sempre acontece hoje em dia. É um conceito lógico, mas muitas vezes ignorado. Muitas empresas pensam em blockchain como uma sobreposição aos sistemas existentes e uma nova forma de trocar informações com várias outras partes, mas sua inovação para por aí. Como resultado, o valor que as plataformas blockchain oferecem fica no esperado.

Para que a blockchain opere eficientemente em escala, é essencial que ela possa ser integrada aos sistemas ERP das empresas para criar processos rápidos, confiáveis e repetíveis. 

Considere o processo de Suplay Chain. Tudo sobre esse processo está alojado dentro de um sistema ERP empresarial, como fornecedores autorizados, o que pode ser comprado, quem está autorizado a fazer compras e de que tamanho. Se o blockchain for utilizado para gerir o aprovisionamento entre empresas, toda essa lógica e informação de aprovisionamento tem de ser reconstruída no blockchain, o que atrasa consideravelmente o desenvolvimento. Uma abordagem muito mais fácil com um tempo de valor mais rápido é ligar o blockchain ao sistema ERP e fazer uso da lógica de negócio existente da empresa, dados e controles de processo. Além disso, se o ERP e a plataforma blockchain não estiverem integrados, há um investimento contínuo de recursos para manter os dois alinhados. A probabilidade de introduzir erros aumenta, criando desafios de sincronização e aumentando o risco do negócio.

Em muitas empresas hoje em dia, a visão dos processos é limitada dentro dos limites da organização. Por exemplo, o processo de Suplay Chain é visto como "de ponta a ponta", com os elementos do processo fora do controle da empresa sendo considerados como garantidos. Mas, com a integração de empresas em blockchain, o novo escopo de um processo "procure-to-pay" ultrapassa os limites de várias entidades e começa e termina em sistemas ERP. Um processo multiempresa verdadeiramente contínuo e de ponta a ponta começa dentro do sistema ERP de uma empresa, passa pelo blockchain e termina nos sistemas ERP de outras empresas.

SAP Integrated Business Planning (IBP)

O planejamento e a programação avançados, para os quais muitas empresas usam o SAP IBP (e APO), dependem de seus dados subjacentes para construir uma previsão precisa. A precisão da previsão do SAP IBP é uma função da precisão das informações sobre o estoque em sua cadeia de suprimentos.

Apesar da infraestrutura digital dentro da empresa, a maioria das empresas tem apenas visibilidade e visão limitadas sobre onde todos os seus produtos estão a qualquer momento. Existem lacunas analógicas entre os sistemas dentro das empresas e para além das fronteiras da empresa. No entanto, a oportunidade que a blockchain apresenta para planejamento e programação é enorme se o processo de ponta a ponta for expandido. As soluções Blockchain são extremamente disciplinadas na forma como lidam com os ativos e são capazes de reduzir significativamente as imprecisões de inventário. Quando um blockchain de gestão de ativos é integrado ao SAP IBP, a empresa obtém uma visão mais precisa do inventário em toda a cadeia de suprimentos estendida e, portanto, recebe uma previsão mais precisa para conduzir sua própria produção.

A oportunidade que o blockchain apresenta para planejamento e programação é enorme se o processo de ponta a ponta for expandido.

À medida que as empresas vêem as aplicações potenciais para blockchain em suas operações, é hora de ampliar o ponto de vista. Em vez de pensar em processos de negócios de ponta a ponta contidos dentro de uma organização, as empresas agora precisam pensar em um novo processo de negócios de ponta a ponta que se origina em uma empresa e termina em outra.

Com uma profunda integração em seus sistemas ERP corporativos e a redefinição de processos através de fronteiras, as empresas podem tirar o máximo proveito das plataformas blockchain e alcançar os benefícios completos de ter um conjunto de fatos e processos compartilhados através de fronteiras corporativas historicamente limitadas.

Resumo

Blockchain permite um processo compartilhado e um único conjunto de fatos em áreas que atravessam fronteiras empresariais. No entanto, a integração eficaz em sistemas ERP é fundamental. As empresas precisam pensar em um novo modelo ponta a ponta, onde um processo de negócio se origina em uma empresa e termina em outra. É quando os benefícios transformacionais se materializam.

Sobre este artigo